segunda-feira, 3 de fevereiro de 2014

" ACM Neto tirou a barraca do cordel, na área externa do Mercado Modelo,

O Cordel na Bahia perdeu totalmente o seu valor, enquanto no Ceará, na Paraíba,em Pernambuco e no Rio Grande do Norte os poetas são ovacionados, aqui em Salvador a única barraca de Cordel sob a tutela do Bule Bule e do Antonio  Tenório  lá no Mercado Modelo, o Prefeito ACM Neto mandou o Secretário de Cultura arrancar e não cedeu um novo espaço para a mais bela manifestação cultural do Nordeste-   Que é o Repente.
 Perde o Brasil, perde o Nordeste, perde o povo, perde a Bahia e perde a cultura  como um todo.  Secretario da |Cultura e da Educação , Prefeito ACM Neto, nós esperamos por um espaço dedicado à Cultura Popular, esta manifestação cultural não pode morrer.
Iderval Reginaldo Tenório


PUBLICO A MANIFESTAÇÃO DOS POETAS POPULARES DA BAHIA.

CREUSA E  CIDA MEIRA 
POETISAS, DAS GRANDES
COMO DIZ O POETA.

BULE BULE , RECEBA O MEU ABRAÇO 

" ACM Neto tirou a barraca do cordel, na área externa do Mercado Modelo, sem dar maiores explicações. Essa barraca estava lá há 40 anos, sendo uma luta de Rodolfo Coelho Cavalcante.
Autoritariamente, Grampinho "limpou a área".
Falta de respeito à cultura popular de nossa terra."
(Renan Oliveira de Araujo)
Já estamos ligados nisso há um bom tempo. Nós cordelistas e batalhadores pela cultura popular, nos organizamos antes disso. Fizemos abaixo-assinado; fizemos mobilização junto com Antonio Barreto Cordel Cordel, Alberto Lima Guarani-KaiowáGuarani-Kaiowá, Creusa Meira Meira, Sueli Valeriano Valeriano Valeriano, Cida Meira Meira, Marco Marco HaurélioVarneci Nascimento Nascimento, Chico Salles Araujo e outros; denunciamos isso na matéria do Soterópolis, junto com Vania Dias(veja link abaixo), por sugestão minha que tocássemos nesse assunto na matéria sobre cordel; eu e Denisson Palumbo falamos sobre isso no Doc. “Presente Cordel”, da 09 filmes com Sérgio Monteiro Monteiro Monteiro, Fernando Cidade e Luciano Maciel , mas mesmo assim o Senhor ACM Neto limpou a cultura popular como poeira que deixa “imunda” a cidade “europeizada” que ele quer imprimir guela abaixo. Um absurdo. A voz do povo não é mais levada em consideração. Mas não desistiremos e vamos tocar e muito nessa ferida. Aguardem! 

  1. Bule Bule - YouTube

    www.youtube.com/watch?v=2z59cyEeZBc

    12/12/2009 - Vídeo enviado por rodrigorroal
    Registro de Bule Bule (rroal filmes), feito durante o 9 (nono) Festival BrasilNoar (CasaNoar ...

  2. Bule Bule Coração de Poeta - YouTube

    www.youtube.com/watch?v=lY1b1E2_1I4

    27/09/2008 - Vídeo enviado por gabrielopensador2008
    a pedido de Gabriel o Pensador, o poeta, compositor e repentista baiano Bule Bule declama seu ...

7 comentários:

Érika e Bárbara disse...

Um desrespeito à nossa cultura!!!

Érika e Bárbara disse...

Nossa cultura deve ser preservada...!

Humberto Guanais disse...

Nós já temos uma substituição ao cordel: segundo grampinho, é a schin!

Versos diversos disse...

Prezado amigo, faça circular essa carta que acabei de postar na página do Prefeito ACM NETO.

Exmo.Sr.Prefeito, Antonio Carlos Magalhães Neto por favor. Em respeito á cultura secular do cordel,por amor á cultura Baiana e Brasileira, Não retire da praça Cairú a Banca de cordel, pois lá é um ponto de referencia de encontro de todos os nossos poetas e cantadores da Cultura popular, Vamos fazer uma gestão que seja do agrado de todos. A poesia de cordel está sendo vista como uma revolução na educação.Participei do Seminário do cordel na UNEB-Campus Uneb De Irecê, e este setor academico da Bahia tve como tese nos tres dias de seminário , a literatura de cordel. Reveja essa situação, e informe-se mais sobre essa nossa riqueza cultural admirada no mundo inteiro. SALVADOR SERIA A PRIMEIRA CAPITAL DO BRASIL, A PERSEGUIR A CULTURA POPULAR E SEUS ARTISTAS, COM A HISTORICA IMPORTANCIA QUE ELA TEM PARA O RESTO DO PAIS E DO MUNDO?Espero que o Sr.Haja de bom senso e não se deixe levar por alguns que acham que a poesia de cordel, o artista popular, não tem importancia cultural para o nosso Estado.

Carlos Silva - poeta e cantador, da cidade de Aporá-Litoral norte da Bahia, escrevo em nome de todos os poetas da oralidade escrita e cantada da nossa poesia da Bahia.(75-3448-1159)
25 de outubro de 2013 às 18:22 · Curtir · 1
Carlos Silva

Versos diversos disse...

É um desrespeito com o patrimônio cultural da bahia.

Almira Reuter disse...

È muito triste esse cenário para Bahia Salvador, como tenho pouco de Salvador, não sei por onde começar um movimento, porém vou compartilhar aqui, quem sabe eu tenha algum amigo influente, nessa área, é só que posso fazer no momento, e torcer para que voltem atrás nesta decisão.

Anônimo disse...

sim, que dia mesmo iremos levantar as barracas? Muita conversa! Vamos logo! Me chama que eu vou!