sábado, 15 de abril de 2017

DIÁLOGO EM FAMÍLIA JOCA E O PAI

Resultado de imagem para familias
Adicionar legenda

DIÁLOGO EM FAMÍLIA
JOCA E O PAI
Sala de jantar,  18h30min  véspera do Natal em pleno domingo,  Joca , um menino de 12 anos, Maria uma menina de 10 anos , pai um profissional liberal e a  mãe uma professora.

__Papai, o senhor vai comprar a minha bicicleta e a boneca de Maria ainda este mês?
__Meu filho, o seu pai é um trabalhador e pensa no futuro de vocês, primeiro a Escola, a Alimentação e a Saúde.

__Papai, no prédio todo mundo já ganhou presentes, somente nós não recebemos.
__Meu filho, a coisa está cada dia mais difícil, está feia para o país, eu não sei como eles estão conseguindo comprar tudo isso , seu pai ganha um salário até bom, porém, depois  que se desconta o plano de saúde, o imposto  de renda, a previdência social, o imposto sindical, o IPTU, o ISS, o Emplacamento do carro, a Taxa de Esgoto e outras que vão surgindo no decorrer do ano , o salário vai minguando, vai caindo, depois vem as despesas com a Gasolina e o carro, o parcelamento do Imposto de Renda do ano anterior, a luz, o salário e o transporte da funcionária, o transporte de vocês,  o remédio, o supermercado, a feira da semana e outras despesas extras que sempre aparecem, sem esquecer-se do investimento na educação de vocês, a escola, o inglês e as artes. No final meu filho, no final  não fica quase nada, quase nada . O  seu pai não pode se dá o luxo de comprar presentes, por último e por segurança, deixa uma pequena reserva para uma emergência, para uma necessidade que pode  surgir, seu pai não usa cartão de crédito, os juros são altíssimos, ele só compra o que pode, ele não foi e nem é contaminado , nem sugestionado pelas enganadoras propagandas que passam na televisão, o seu pai tem responsabilidade. Ele não quer e nem aceita nada com facilidades, ele não aceita nada dos outros, os seus maiores amigos são vocês, são os meus pais , os meus irmãos e alguns amigos do peito, o seu pai tem alguns que são verdadeiros irmãos, agora amigo amigo mesmo , por quem o seu  pai daria e dará a sua própria vida, são vocês dois , o Joca e a Maria, os meus filhos. O meu maior e melhor presente que dou a vocês é a escola, um projeto para a eternidade.

 
__É papai, o senhor é um herói e mamãe também. Agora quem não está entendo sou eu, como pode o povo do prédio comprar tantos presentes para os filhos? Eu não sei como.
__É meu filho Joca, veja que eu e a sua mãe estudamos, somos formados na Universidade e temos uma boa renda, não nos falta o básico, nós estamos pensando é em vocês, estudem,  se esforcem  que a coisa está feia, a sua mãe é quem administra a renda da casa, veja que ela trabalha dando aula, cuida da casa e de vocês, é uma heroína, tenham orgulho dela .

__É meu pai, vou falar com Maria e contar a realidade da vida, os meninos do prédio estavam chamando o senhor de canguinha, de mão de vaca.
__Joca meu filho, na vida o homem deve ser sensato, justo, equilibrado e priorizar as coisas importantes da família e da sociedade como um todo, o homem tem que lutar pelo bem da família, é ela o seu maior patrimônio e legado. Tem outra coisa Joca, o seu pai está presente em tudo que acontece na sua vida, o seu pai  é um dos pais  mais presente na vida do seu filho, na sua vida, pois o suor do seu pai está presente em tudo aquilo que você come, que  você veste, que você utiliza, o seu pai está presente na sua escola, nos seus remédios e em tudo que você possui, quando você está tomando banho aquele sabonete tem o suor do seu pai, aquela água é ungida com o suor do rosto do seu pai, ele está presente em tudo.
Neste momento o pai foi até a cozinha, pegou uma colher das de sopa e comprimido-a contra o rosto como a raspá-lo como uma pá, tirou e colheu um pouco de suor, mostrou ao filho o bico da colher com um pouco de suor  e disse.

__Joca em tudo que se tem nesta casa, em tudo que se come e em tudo que existe hoje para a nossa sobrevivência  existe uma quantidade de suor, então quando você come um pão em casa ou na escola existe um pouco de suor do seu pai , de sua mãe ou dos dois juntos, isto meu filho, por merecimento, por trabalho.   Aprenda de uma vez por todas, as coisas só têm valor se forem conseguidas com o desprendimento do suor do seu próprio  rosto, não aceite nada que não venham do seu suor, não aceite benesses , principalmente as suspeitas, as enviesadas.  Estude, lute e trabalhe, seja um verdadeiro homem, encham os seus filhos de orgulho.
Dois dias depois, o Joca chega da Escola e procura o pai, na mesma sala assim se posiciona. 

__Meu pai, agora sei  por que  algumas crianças não respeitam os seus pais e por que os seus pais atrasam as suas contas, principalmente as mais importantes, a Escola , o projeto para a eternidade e o condomínio, uma despesa coletiva, vivem do suor dos vizinhos e querem levar vantagem em tudo. Para enganarem e enganar a si mesmo compram carros bonitos  a prazo a perder de vistas, compram presentes ficando endividados para satisfazerem os deseducados filhos, dão péssimos exemplos para os seus descendentes, quando deveriam priorizar o essencial.
__Joca, apesar dos 12 anos de idade, você entendeu a situação, entendeu de alguns atos da vida, fale com Maria, a sua irmã, que quando as coisas melhorarem e vão melhorar, todos irão ganhar os seus presentes.  

__Ah meu pai, nós já conversamos, Maria e Eu nos convencemos e passamos a entender das coisas do mundo, nós ficaremos contentes com o presente   que mamãe comprou,   aquela coleção de livros que fala da humanidade, dos continentes, dos animais, da cultura, das artes, dos costumes dos povos do globo terrestre, das águas, do espaço, das religiões , da sociologia e da filosofia da vida editada para jovens até os dezoito anos,  foi o nosso melhor presente em toda a  nossa vida, ele vai aguçar o nosso cérebro e vai nos trazer conhecimentos, outra coisa meu pai , neste mundo e neste prédio não tem mais meninas para brincar com a Maria, elas passam o dia no celular e no computador, tem mais  , a rua é movimentada e perigosa para se andar de bicicleta, o importante  meu pai é a nossa casa, a nossa escola, a saúde, a família, os nossos professores e os nossos amigos mais próximos, tenho alguns na escola. Domingo nós vamos visitar vovó, ela vai fazer um bolo para o vovô e vamos encontrar todos os nossos primos, vai ser uma grande comemoração, afinal vovô é vovô, um dos meus melhores amigos, vovó também.

O pai abraçou o filho Joca, pegou a chave do carro e foi em busca do sustento da família, naquele dia o pai teria que cumprir no seu trabalho mais um  turno noturno. O Joca apesar de uma criança já se comporta como um  verdadeiro homem.  

Viva o diálogo, a melhor maneira da humanidade se entender, o Joca é um cabra macho.
Salvador, 15 de Abril de 2017
(sábado de aleluia)
Iderval Reginaldo Tenório

 ESCUTEM DE DE HERVÊ CORDOVIL E LUIZ GONZAGA
 A VIDA DO VIAJANTE 

Luiz Gonzaga - Vida do Viajante - YouTube

https://www.youtube.com/watch?v=X4DAdlqm6oU
19 de jun de 2008 - Vídeo enviado por Kris de Lima
... Gonzaga e Hervê Cordovil -------------------------------------- Vida do Viajante Minha vida é andar Por esse ...
19 de jun de 2012 - Vídeo enviado por Mickael Marques
BOM SÃO JOÃO PARA VOCÊS \0/ - 2013 Facebook: https://www.facebook.com/mickael.style.rox?ref=tn_tnmn.

Cover: A Vida do Viajante - Luiz Gonzaga - YouTube

https://www.youtube.com/watch?v=jSZABe1NNl0
27 de mar de 2013 - Vídeo enviado por Su Barbosa
Música: A Vida do Viajante Autor: Luiz Gonzaga Cifra: Alexandre Luiz de Oliveira LETRA Minha vida é ...

Sergio Reis - A Vida do Viajante - YouTube

Vídeo para a minha vida é andar pelos sertões

2 comentários:

Elisangela Alves disse...

Sinceramente, não sei o que move tal ação humana do consumismo desenfreado.
Não sei se é pelo desejo de ter, a necessidade de mostrar ao outro o que tem, a simples ação de não querer contrariar a pessoa amada ao negar algo... São tantas as razões que permeiam este universo que, as vezes, é até injusto julgar.

Belo texto!

Quem dera as crianças desse país tivesse a maturidade apresentada acima de compreender o real valor das coisas.

Até para nós, adultos, é difícil ser compreensivo a todo instante diante de variadas situações. Nem sempre agimos com a maturidade e sabedoria que a idade exige.

Sendo assim, devemos realmente dar "viva ao diálogo" que é capaz de agregar conhecimento em ambos os lados. Nesse contexto, não há perdedores, há evolução cultural!

IDERVAL REGINALDO TENÓRIO Tenorio disse...

Minha mestra ,apesar de jovem tem uma ótima esperiewncia de vida e muito a nos ensinar, obrigado.