sexta-feira, 20 de junho de 2014

A BATALHA DO JENIPAPO- CONHEÇAM ESTA LUTA DO POVO DO PIAUÍ.

 
A BATALHA DO JENIPAPO

Postarei mais uma batalha totalmente desconhecida da população brasileira, esta batalha teve como palco o Estado do Piauí.   
        A Batalha do Jenipapo.
          Boa leitura e bons conhecimentos                
 Iderval Reginaldo Tenório




Batalha do Jenipapo


Por Rodrigo Batista
Batalha do Jenipapo foi um confronto entre partidários da independência brasileira e a resistência portuguesa, que procurava evitá-la, ocorrida no dia 13 de março de 1823, às margens do riacho de mesmo nome, localizado na região do atual município de Campo Maior, na província do Piauí. Ela é considerada fundamental no processo de independência e consolidação do território brasileiro.
Fidié
Fidié
Além da população do Piauí, maranhenses e cearenses participaram do levante popular contra as tropas lideradas pelo Major João José da Cunha Fidié, que desejavam manter a região sob domínio lusitano e sufocar os movimentos de independência. O embate pode ser visto como um dos momentos chave da adesão da província piauiense ao processo emancipatório brasileiro.
Com o retorno de D. João VIa Portugal, a independência foi oficialmente proclamada a 7 de setembro de 1822, pelo príncipe regente Dom Pedro I  em São Paulo, às margens do rio Ipiranga, no entanto,o gesto não representou a integração de todas as províncias do país.
Com a intenção de impedir o crescimento das idéias separatistas, o governo português enviara desde 1821 para o Piauí o veterano das guerras napoleônicas, major Fidié. A intenção era manter a província ligada a Portugal e estabelecer com o Maranhão e Grão-Pará uma área de domínio lusitano.
Após a declaração da independência do Piauí feita a 19 de Outubro de 1822, em Parnaíba, o comandante português reúne suas tropas e parte de Oeiras em direção à Parnaíba, a 13 de novembro, para combater os emancipacionistas liderados por Francisco Inácio da Costa, José Francisco de Miranda Osório, José Marques Freire, Luís de Sousa Fortes Bustamante Sá e Menezes, Simplício José da Silva, Luis Rodrigues Chaves, João da Costa Alecrim, José Antônio da Costa Cardoso e Alexandre Nery Pereira Nereu.
Fidié chega a Campo Maior e, no dia 13 de março de 1823, pela manhã, onde tem início a batalha entre suas tropas bem armadas e experientes e brasileiros sem treinamento militar, utilizando paus, pedras e outros materiais de pouco poder ofensivo. Devido a superioridade bélica, o que se viu à beira do Jenipapo foi um massacre. Mesmo com a derrota do movimento popular, a Batalha do Jenipapo tornou-se decisiva para afastar o major João José da Cunha Fidié do Piauí e consolidar a independência e a unidade territorial do Brasil. Enfraquecidas, as tropas fiéis à coroa seguiram para Caxias, no Maranhão, onde foram derrotadas por piauienses, maranhenses e cearenses, a 31 de julho de 1831.
A Batalha do Jenipapo é um capítulo fundamental no processo de consolidação do território nacional e a data do acontecimento passou a ser estampada, a partir de 2005, após aprovação da Assembléia Legislativa do Piauí, na bandeira do estado.
Fontes:
http://culturadopiaui.vilabol.uol.com.br/batjenip.htm


 

Hino da Independência do Brasil - YouTube


www.youtube.com/watch?v=ueHEhpEhIhY
30/06/2008 - Vídeo enviado por peviana
letra de Evaristo Ferreira da Veiga música de D. Pedro I Já podeis da Pátria filhos, Ver contente a mãe ...

  • Hino da Independência do Brasil - YouTube

    www.youtube.com/watch?v=Sa-jI_H1nyA
    16/02/2011 - Vídeo enviado por TheTchelolima
    Já podeis da Pátria filhos Ver contente a Mãe gentil; Já raiou a Liberdade No Horizonte do Brasil Já raiou

  •  
     

    2 comentários:

    Rogerio Coelho disse...

    Caro Iderval, você sabia que esta batalha está sendo um grande transtorno para os candidatos a soldado PM no Rio de Janeiro? Esse assunto caiu na prova, só que infelizmente, nenhum cursinho sequer pensou em abordar o tema, que , reconheço, não é conhecido nacionalmente. Procurei no Google e achei no seu blog! Obrigado!

    IDERVAL TENÓRIO-MÉDICO disse...

    Um abraço para você e para todos os seus .Iderval.