segunda-feira, 15 de junho de 2015

A MEDICINA ,O MEDICO E A SUA DECADENCIA


          A MORTE DE UMA PROFISSÃO DE RESPEITO
         PRECISAMOS RESSUSCITÁ-LA

                 Colegas do Brasil, pensem na Medicina deste ponto de vista, farei um passeio através dos tempos atuais, é apenas  um mero ensaio.



Como disse UM AMIGO DO MEU PAI, o velho e centenário Seu Quincó.  


" ACORDA DOUTOR, OS HOMENS ESTÃO MATANDO A MEDICINA"

  

Os cenários político e econômico da nação vaticinam e apontam para dias escuros para a centenária medicina brasileira(SAÚDE BRASILEIRA ) e para os seus filhos, os médicos. 

 Primeiro  os médicos perderam a prioridade nos cargos diretivos  governamentais tanto Municipais, Estaduais e Federais. Os Secretários de Saúde e o Ministro não precisam ser médicos, e quando médicos de formação, transformam-se em burocratas, tecnocratas , executivos e políticocratas . 


Em seguidas os médicos  perderam os cargos nas unidades hospitalares , no programa da família(PSF) e nos demais serviços pertinentes à medicina (Postos e ambulatórios), os médicos estão em segundo plano, forças contrárias aos interesses do povo,  dos médicos e da medicina  incutem na cabeça dos médicos , que o sistema  conselhal é obsoleto,  inerte e prejudicial à classe , é  apenas  um órgão punitivo, os médicos acreditam e passam a não apoiar a sua mais importante instituição. Conselho fraco categoria fraca, na vacância dos Conselhos serão os leigos os seus julgadores .

                     O prestígio de uma categoria está ligado aos poderes  político(voto),  econômico(poder aquisitivo), social(ações) e no  domínio dos conhecimentos , estas propriedades juntas guinam uma categoria ao comando de uma sociedade, o médico e a  medicina estão em franca decadência, hoje a informática e a engenharia da imagem dominam nos médios e nos grandes centros, basta entrar numa máquina, a medicina passou a ser uma ciência exata. 


A soberania da clínica, o toque amigo do seu médico, a semiologia aplicada, as cãs dos esculápios, a benevolência,  a beneficência e a generosidade da ética estão comendo poeira dos  gestores da saúde.


                     Politicamente , os médicos e a medicina há muito que perderam este posto, estão muito frágeis : no setor financeiro a medicina virou mercadoria e os médicos profissionais baratos , o relacionamento dos médicos  com a sociedade se transformou numa vergonhosa relação comercial, segue o código do consumidor com todas as suas  mazelas, enquanto os médicos  utilizam-se da ética e dos conhecimentos , os outros são partidários do  pecuniarismo , tudo por dinheiro. A Ética come poeira de todos. 

                     Consumindo os  últimos suspiros sociais da Medicina  , os poderes (Municipal, Estadual, Federal e Judiciário) retiram vagarosa e continuamente as últimas gotas de sangue da velha medicina com taxas, ditames  e impostos exorbitantes.

                    O Liberal autônomo devido a intermediação do sistema médico suplementar , da pejotização e terceirização do Sistema  Público   encontra-se morto, hoje sem força, fraco e subservientes. 

A medicina( A SAÚDE) e o médico caíram na vala comum, é  uma contenda entre a Medicina e o poder ,  na qual um dos lados tem como arma a ética , e a ética  é mansa, educada, paciente, benevolente, caridosa, responsável  e respeitadora, enquanto o outro , tem a força, a truculência , a vontade politica e um povo propositadamente desprovido de informações, continua a dormir.



A Medicina e o Médico precisam seguir de de mãos dadas, precisam  difundir a humanização,a benevolência, a beneficência e mostrar que são simples, humildes e emanam do povo para o povo, a medicina é a mais sagrada das ciências, ela entra na vida de cada um dos cidadãos que a procuram e o recepcionador é o  Médico.




VIVA A MEDICINA E OS SEUS ABNEGADOS


 Vital Farias, Belchior , Aldo Souza, Israel Filho  , Patativa do Assaré e  Zé Ramalho.
Vida de Gado.
                          
Iderval  Reginaldo Tenório




  1. Miniatura 5:07 
  2. ADMIRAVEL GADO NOVO (VIDA DE GADO)


  1. de lucio carlos













    1. Zé Ramalho - Vida de Gado

    1.  
  • Um comentário:

    Anônimo disse...

    Infelizmente, esse caminho é sem volta! Esse foi o processo em que a Odontologia passou e a Medicina está iniciando agora.